Inicio Tags Hotel

Tag: hotel

Já vimos como é o hotel de Cristiano Ronaldo na Madeira

Tem relva sintética no corredor, t-shirts de Cristiano Ronaldo emolduradas em quadros, almofadas com desenhos de bananas da Madeira e casas de banho que fazem lembrar os balneários dos estádios – mas mais arejadas, claro. O primeiro hotel que resulta da parceria entre Cristiano Ronaldo e Dionísio Pestana, chairman do Pestana Hotel Group, abre as portas oficialmente esta sexta-feira, na ilha da Madeira. O Pestana CR7 Funchal marca o pontapé de saída da parceria entre os dois madeirenses, que contam abrir mais três unidades sob o mesmo conceitolifestyle – na Baixa de Lisboa, Gran vía de Madrid e em Nova Iorque (próximo de Times Square). Um investimento global na ordem dos 75 milhões de euros.

Encaixado sobre o Porto do Funchal, com vista privilegiada para a Marina e para a baía da cidade, o Pestana CR7 Funchal quase passa despercebido a quem passeia na Avenida Sá Carneiro. Com apenas dois pisos, fica encostado ao Museu Cristiano Ronaldo (que ganhou nova morada para ficar próximo do hotel) e foi pensado para suprir as necessidades das novas gerações.

Restaurante e receção no mesmo espaço

O corte com os moldes de um hotel tradicional nota-se logo na receção: “Já não é um lobby, é um ponto de encontro”, atira Dionísio Pestana. E é mesmo isso que transmite.

O restaurante está logo ali à entrada, com mesas corridas, como que a convidar diferentes grupos de pessoas a sentarem-se todas juntas. Cristina Matos, a decoradora, apostou num ambiente informal e descontraído, a lembrar a casa de amigos: há uma estante decorada com objetos modernos, poltronas minimalistas e confortáveis, e até um saco de boxe pendurado entre as mesas.

Hotel CR5

A decoração ficou a cargo de Cristina Matos, que já tinha colaborado com o Grupo Pestana no Hotel Porto Vintage.

No lado direito fica a cozinha aberta, que escancara a confeção dos alimentos aos olhos dos clientes mais curiosos. José Carlos Fernandes, diretor do Pestana CR7 Funchal, conta-nos um pouco sobre as escolhas de Pedro Relvas, responsável de F&B (Food and Beverage), e do pizzaioloGianfranco: “A cozinha é saudável, com muitas saladas, sementes e bagas. Temos hambúrgueres e pizzas e não usamos bacon nem comidas pesadas”. Abaixo os alimentos processados, queremos saber o que foi mais pensado neste hotel para as novas gerações, e é mesmo para os quartos que seguimos.

Dormir num hotel como se fosse em casa

A decoradora apostou num ambiente um pouco previsível: os quartos têm objetos que lembram o mundo do futebol e a carreira de Cristiano Ronaldo. Em todos, há ilustrações de Mário Linhares penduradas sobre as cabeceiras da cama, que contam o percurso de Cristiano Ronaldo, desde a família aos clubes de futebol por onde passou. Mas a aposta central é outra.

Aqui, o target são os millenials e os interessados nas novas tecnologias. A ideia é estar no hotel como se estivesse em casa, cada qual com os seus conteúdos. Os hóspedes veem o digital entrar em todos os 49 quartos que o hotel dispõe: Apple TV, Smart TV, Screen mirroring, bluetooth, HDMI ou entradas UBS nas cabeceiras das camas. E claro, wi-fi de alta velocidade, dentro e fora do hotel. Várias opções de ligações para que o mundo virtual se confunda cada vez mais com o real – no bom sentido, claro – e para que os clientes possam aceder aos seus próprios filmes, músicas e ficheiros, de forma bastante prática. Chamado SO-ME-MO, o conceito Social Media Mobile é uma das apostas fortes da unidade hoteleira. Mas não só. Afinal, é o hotel de Cristiano Ronaldo e o desporto não podia ficar esquecido.

Hotel CR8

Os quartos estão dispostos ao longo deste grande corredor, na extensão do hotel, decorado com relva sintética.

Treinar ao ar livre

Férias não têm de ser só descanso. É por isso que existem várias máquinas de ginásio no exterior, nas traseiras do hotel, para os adeptos de exercício físico. E nós comprovámos que o esforço fica bem mais fácil quando os aparelhos de ginástica estão ao ar livre, sobre o mar e com vista para as montanhas. Quando estiver de chuva, o treino pode ficar comprometido para alguns, mas existe uma sauna logo ao lado para compensar.

Bebericar entre mergulhos no Rooftop

Continuando o percurso, chegamos ao Rooftop Bar: uma piscina vermelha com 15 metros, espreguiçadeiras e camas confortáveis, e um bar com todo o tipo de bebidas, muitas com fruta fresca. A vista é para os grandes cruzeiros que costumam atracar no porto e para a cidade do Funchal. O objetivo, explica Dionísio Pestana, é trazer os locais para o hotel, já que este fica em frente à Discoteca Vespas e a outros espaços que funcionam noite dentro: “O Lounge [nome do bar do terraço] está aberto a todos. Queremos fazer aqui alguns eventos, sunset, e criar outro espaço de encontro também para os madeirenses.”

Cristiano Ronaldo já disse: “Não vejo a hora de dormir na minha suíte CR7 Funchal.” Nós compreendemos o entusiasmo, mas ficamos felizes por o jogador não estar presente, esta sexta-feira, na inauguração oficial — e esperamos que não visite o hotel antes de 10 de julho. E ele também, acreditamos.

O quê? Hotel Pestana CR7 Funchal
Onde? Avenida Sá Carneiro/Praça do Mar, Funchal (Madeira). Tel. 29 114 0480; guest@pestana.com
Quanto? quartos a partir de €180

Vai ser assim o primeiro hotel subaquático do mundo

O Planet Ocean Underwater Hotel foi patenteado como o primeiro do género e deverá custar cerca de 18,8 milhões de euros (20 milhões de dólares). Terá 12 quartos com forma cilíndrica e paredes e teto de vidro, que, além dos luxos habituais de outros hotéis, oferecem vistas paradisíacas do mundo aquático.

O hotel está pensado para estar situado a 8,5 metros da superfície em qualquer lugar do mundo, estando pensadas algumas localizações preferenciais, entre as quais Maldivas, Dubai, Seychelles, Indonésia, Fiji, Polinésia Francesa ou Bahamas.

Quando se fartar da paisagem, o cliente pode apanhar o elevador e ir até à superfície.

Claro que a estadia não é barata. O press-release colocado no site do projeto indica que os interessados poderão reservar um quarto e colocá-lo nas Caraíbas por 3 milhões de dólares.

Agora, o projeto vai entrar na fase de testes.

Já conhece o hotel Vista Alegre?

Montebelo Vista Alegre Ílhavo Hotel

No lugar do antigo palácio da fábrica da Vista Alegre mora agora o luxuoso Montebelo Vista Alegre Ílhavo Hotel.

A unidade hoteleira conta com duas áreas distintas – o hotel e o palácio – e transporta para o setor da hotelaria a história e tradição da arte Vista Alegre, uma das marcas portuguesas mais reconhecidas a nível internacional.

O palácio tem 10 quartos, incluindo quatro suites. O palácio mantém a traça original do século XVII e uma escada metálica em espiral liga o edifício à construção contemporânea, com 72 quartos (incluindo três suítes), duas piscinas interiores, ginásio e spa.

Com vista privilegiado sobre o rio Boco, braço da ria de Aveiro, a decoração é minimalista e o mobiliário é nacional e desenhado, maioritariamente, em exclusivo em exclusivo para o Montebelo Vista Alegre Ílhavo Hotel. Estão ainda instaladas peças e desenhos murais, realizados pelos pintores da Vista Alegre.

Este hotel celebra em cada um dos seus três pisos a arte da Vista Alegre e todo o processo de produção da porcelana. Espreite o resultado final desta unidade no vídeo acima partilhado pela Montebelo Hotels no YouTube.

Homens armados fazem 170 reféns em hotel na capital do Mali

“O grupo hoteleiro Rezidor, que gere o hotel Radisson Blu de Bamako no Mali, tem conhecimento que está em curso uma tomada de reféns naquele local”, indica o grupo num comunicado citado pela AFP. “Segundo as nossas informações, duas pessoas estão a reter 140 clientes e 30 funcionários”.

“De manhã bem cedo houve um tiroteio. Aparentemente foi uma tentativa para fazer reféns”, já tinha dito uma fonte das forças de segurança do Mali à Reuters. O repórter da AFP constatou no local que a polícia criou um perímetro de segurança.

Os tiros dentro do hotel puderam ser ouvidos no exterior do edifício, que tem 190 quartos. “Tudo acontece no sétimo piso. Os jihadistas estão a disparar no corredor”, disse à AFP uma fonte dos serviços de segurança.

Também segundo uma fonte dos serviços de segurança do Mali, os atacantes chegaram ao hotel numa viatura com matrícula diplomática.

A 7 de Março deste ano, um atentado contra um bar-restaurante em Bamako provocou a morte de cinco pessoas, incluindo um francês e um belga. Foi o primeiro ataque deste género no Mali, diz a AFP.

A BBC acrescenta que em Agosto homens armados mataram 13 pessoas, incluindo cinco funcionários da ONU, num ataque a um hotel de Sévaré, outra cidade do Mali.

Visabeira investe oito milhões no primeiro hotel Vista Alegre em Lisboa

Frederico Costa

O grupo está ainda a fechar o nome do hotel, que será divulgado durante o mês de Janeiro de 2016, mas é certo que a marca Vista Alegre constará do nome, tal como já acontece na unidade que detém em Ílhavo.

Frederico Costa sublinhou que as obras para a construção desta unidade arrancam no início de 2016, para que o hotel possa entrar em operação no primeiro semestre de 2017. “O valor total do investimento é de cerca de oito milhões de euros”, revelou ainda o gestor.

O presidente da Visabeira Turismo salientou que o novo projeto será um hotel de cidade, virado para o lazer e que aposta no “mercado externo que procura Lisboa, como os brasileiros e os espanhóis”. O facto de se associar o hotel a uma das marcas de referência do grupo servirá de chamariz para clientes que já conhecem as lojas e que poderão escolher a unidade para alojamento.

Até concretizar este projeto no Chiado, a Visabeira Turismo aposta no recém-aberto Montebelo Vista Alegre Ílhavo Hotel, que está em ‘soft opening’ desde o passado dia 2 de Novembro. Com 82 quartos e um investimento total de 13,3 milhões de euros, esta unidade em frente à Ria de Aveiro aproveita os 200 anos de história do local onde nasceu a Vista Alegre para criar um “hotel experiência” que entre outras valências integrará um museu, um teatro do século XIX e a possibilidade de realizar ‘workshops’ de como se faz porcelana e pintura.

“O mercado britânico será forte para esta unidade, mas também o brasileiro e o espanhol, estes últimos mercados onde a Vista Alegre está em força com lojas”, sublinha o gestor que acrescenta ainda os turistas franceses e alemães.

Reforçar parceria internacional

O grupo de Viseu fechou recentemente um contrato de ‘franchising’ com uma das maiores redes espanholas de turismo, a Paradores, que atribui esta marca ao Hotel Casa Ínsua, em Penalva do Castelo. Esta é a primeira parceria internacional da Paradores, cuja atuação se assemelha à das Pousadas de Portugal ao transformar edifícios emblemáticos em projetos hoteleiros. A rede operava, até este contrato, 95 hotéis.

Desde dia 15 de Outubro que esta unidade de cinco estrelas abriu com a nova marca, sendo que a mudança já está a ter impacto. “Mais do que duplicou os resultados, atingiu mais de 80% de taxa de ocupação, enquanto o preço subiu mais de 30%”, revela Frederico Costa que lembra que com esta ligação à Paradores conseguiu colocar o hotel no mapa internacional.

Desde a abertura, turistas de Espanha, Estados Unidos, Rússia e França têm reforçado a procura no novo Parador Casa Ínsua.

Mas a parceria com a Paradores não vai ficar por aqui. Frederico Costa admite que em cima da mesa está a possibilidade de selecionar outras unidades e alargar a atuação da rede Paradores em Portugal. Neste cenário pode acontecer através de três caminhos: “Outra unidade do grupo poder integrar a rede, abrir caminho a que outras empresas se possam associar à marca ou a Visabeira estar no ‘managment’ para ajudar algum hotel em dificuldades e ajudar a adaptá-lo à marca Parador”, esclarece o mesmo responsável.

EMPRESAS